Notícias


Terça-feira, 19 de junho de 2018

Ato Solene celebra 320º ano da fundação de Salto

Divulgação/Prefeitura de Salto
Foto
Balões de ar com as cores da bandeira da cidade foram soltos durante o evento

A Prefeitura de Salto realizou no domingo, 17 de junho, o Ato Solene em comemoração ao 320 anos da cidade, fundada em 16 de junho de 1698. A cerimônia, realizada no Complexo da Cachoeira, reuniu o público e autoridades, com danças, música, arte e homenagens, comemorando o aniversário da cidade.

Na abertura do Ato Solene, a Orquestra de Metais, do Conservatório Municipal Maestro Henrique Castellari e os corais Canto da Terra e Vozes Afro, entoaram o Hino Nacional.
Os artistas locais prestaram uma homenagem a Salto, contando, através de um esquete teatral, as riquezas culturais e turísticas da cidade sob o tema “Salto: celeiro de artistas”.

Momento alto do ato solene foi a entoação do Salto Canção, Hino Municipal de Salto, realizado na Ilha dos Amores, pelo público, acompanhado do Coral Vozes Afro. Balões de ar, com as cores da bandeira da cidade: azul e branco, coloriu o céu da cidade, encerrando as celebrações deste dia.

O evento teve a participação dos artistas da Zéfiros Cia de Teatro, Balé Jovem Faces Ocultas Cia de Dança, Cia. de Dança Girassol, Conservatório Maestro Henrique Castellari, do artista plástico Rodrigo Schiavoni (Bixigão) – com exposição das obras no Jardim Tropical, do escultor Eugênio José Teribelli e da cantora saltense Denise Peixoto.

Em seu discurso, o prefeito Geraldo Garcia falou sobre a fundação da cidade e a paixão pelas belezas do município. “Durante toda a encenação, que tão bem representou as belezas naturais de Salto, pensei no fundador - Capitão Antônio Vieira Tavares – e como aquele ato de doar as terras culminou no desenvolvimento da cidade. O salto d’água que dá nome ao município foi o marco de tudo isso e a história vem sendo construída desde então. Neste mês iniciamos discussões importantes, como a revisão do Plano Diretor, que determinarão o desenvolvimento da cidade na próxima década; esta é uma forma de pensar e construir a cidade que queremos para o futuro. Precisamos corresponder à essa paixão pela cidade; somos privilegiados por tudo que temos aqui e precisamos ter orgulho disso; cada um de nós aplicar o seu talento. Salto realmente é um celeiro de artistas”, disse o Chefe do Executivo.

Homenagens

O poder público também homenageou, durante Ato Solene, cidadãos que contribuem de forma significativa e dedicada com o progresso da cidade. É o caso do médico cardiologista Dr. Marcílio Cabral, responsável pela implantação do Programa de Internação Domiciliar, iniciado em 2001. Outras duas servidoras também receberam homenagens, como Miriam Roveri e Josete Jara Lobo da Silva, ambas telefonistas da Prefeitura.

Também foram homenageados, o artista plástico Rodrigo Schiavoni (Bixigão), o ator Hélio Rodrigues, o músico Gilmar de Campos, o escultor Eugênio Teribelli, a professora de balé Irene Vasconcelos e o atleta Bruno Pinheiro Carra.

O evento contou com a presença do vice-prefeito, Dr. Wagner Correia da Silva, do deputado estadual, Rogério Nogueira e dos secretários municipais de Governo, Gilmar Mazetto; da Educação, José Carlos Grigoletto; da Cultura, Sandro Bergamo; do Meio Ambiente, César Piva; do Desenvolvimento Urbano, Sérgio Baldi; de Obras e Serviços Públicos, Alaor Ourique de Carvalho; de Esportes e Lazer, Eliano Apolinário de Paula; da Saúde, Dr. Flávio Vitale Filho; da Ação Social e Cidadania, Cristiane Vitório de Souza e do Superintendente do Saae Salto, Pérsio Augusto de Paula.

A cerimônia contou também com a presença do presidente da Câmara, Luiz Carlos Batista, e dos vereadores, Vinícius Saudino, Edemilson Santos, Márcio Conrado, Lafaiete Pinheiro dos Santos, Alexandre Martins (Xandão), Roberto Natalino, Cícero Landim, José Benedito de Carvalho (Macaia), Clodoaldo Martins e Nilson Benedito da Silva (Neguinho do Açougue). 

Imagem
Facebook